Meteorologia Serra Estrela - Vitor Baia

quinta-feira, 15 de junho de 2017

Associação de Manteigas angaria fundos para instalação de sala Snoezelen

A campanha de “crowdfunding” decorre até às 18 horas do dia 3 de julho e aceita contributos a partir de um euro.

A Associação de Familiares e Amigos do Cidadão com Dificuldades de Adaptação da Serra da Estrela (AFACIDASE), com sede em Manteigas, está a promover uma campanha de angariação de fundos para criação de uma sala Snoezelen.

A campanha de “crowdfunding” denominada “Despertar os Sentidos – uma sala Snoezelen para a AFACIDASE”, decorre até às 18 horas do dia 3 de julho e aceita contributos a partir de um euro.

“O nosso desejo, há já algum tempo, é a criação de uma sala Snoezelen na AFACIDASE, onde possamos aplicar terapias de relaxamento e de estimulação multissensorial. Neste momento, temos ao nosso dispor alguns materiais para realização destas terapias. No entanto, não são adequados às necessidades”, segundo a presidente da direção da associação, Maria José Garcez.

Com a campanha, a instituição pretende reunir verbas para concretizar o projeto e proporcionar aos utentes “a maior e melhor variedade de atividades e experiências geradoras de conforto e bem-estar físico, psicológico e social”.

A iniciativa foi lançada na plataforma Novo Banco Crowdfunding com o objetivo de angariar um total de 2.600 euros, tendo sido reunidos até hoje 555 euros, segundo informação disponibilizada no portal.

A AFACIDASE apoia pessoas com deficiência e incapacidade e funciona atualmente com a resposta social de Centro de Atividades Ocupacionais, prestando vários serviços como alimentação, transporte, higiene, atividades socioculturais, desportivas e apoio psicossocial.

A direção refere na página da internet onde a ação de angariação de fundos está a ser dinamizada que também é objetivo abrir a sala Snoezelen à comunidade e aos parceiros, nomeadamente instituições de apoio a crianças e idosos.

“Assim sendo, é um enorme desejo da nossa parte (e também da parte de alguns clientes que já experimentaram atividades de Snoezelen em outras instituições) a criação de uma sala com equipamentos apropriados a esta prática”, aponta.

A fonte explica ainda que o orçamento para a remodelação da sala Snoezelen tem um custo aproximado de 4.000 euros, mas é pedida a colaboração “para angariar apenas uma parcela deste valor, que será uma enorme ajuda”.

A AFACIDASE foi fundada em Manteigas, no distrito da Guarda, a 15 de maio de 2001, por um grupo de pais preocupados em melhorar a qualidade de vida dos seus filhos portadores de necessidades especiais e em promover respostas sociais adequadas na área da deficiência.

A instituição particular de solidariedade social dá atualmente resposta a 14 pessoas com deficiência.

Fonte: Beira.pt 

CDU volta a candidatar Manuel Aldeia em Manteigas

O oficial dos registos e do notariado, já reformado, Manuel Aldeia, volta a candidatar-se pela CDU – Coligação Democrática Unitária (PCP-PEV) à presidência da Câmara de Manteigas nas eleições do dia 01 de outubro, anunciou hoje aquela estrutura partidária.

O candidato, com 62 anos, natural do concelho de Manteigas, é membro da Direção da Organização Regional da Guarda do PCP, presidente da Assembleia Geral da Associação Distrital dos Agricultores da Guarda e presidente da Junta de Agricultores de Manteigas.

No período de 2001 a 2005, Manuel Abrantes Craveiro Aldeia, que se candidata pela segunda vez consecutiva à presidência do município de Manteigas, fez parte do executivo da Junta de Freguesia de São Pedro, naquele concelho, onde exerceu as funções de tesoureiro.

A CDU refere em nota hoje enviada à agência Lusa que candidata à liderança da Assembleia Municipal de Manteigas o médico José Manuel Novo de Matos, de 62 anos, independente, diretor do Serviço 1 de Cirurgia Geral do Hospital de São José, em Lisboa, e eleito pela CDU na Assembleia Municipal de Manteigas desde 1990.

Na nota, a estrutura partidária explica que os seus candidatos autárquicos “afirmam um caráter distintivo na defesa intransigente das populações” com uma gestão que se quer “transparente, rigorosa, eficaz, eficiente e sustentável”.

A fonte sublinha ainda que, “num quadro nacional fortemente marcado pelo ataque ao Poder Local Democrático ao longo dos últimos anos, num concelho marcado pela falta de respostas essenciais aos problemas concretos da população”, a CDU “tem sido uma força distintiva no concelho e no país”, quer nos órgãos onde ao longo dos anos tem tido eleitos, “quer na ação política geral”.

A Câmara Municipal de Manteigas, no distrito da Guarda, é atualmente presidida pelo social-democrata José Manuel Biscaia, que se recandidata ao cargo.

No atual executivo de Manteigas, o PSD tem a maioria, com três elementos, e o PS possui dois.

Fonte: Beira.pt

quinta-feira, 8 de junho de 2017

1ª Feira Agrícola Comercial e Industrial de Vale de Amoreira


A 1ª Feira Agrícola Comercial e Industrial de Vale de Amoreira é uma iniciativa da Freguesia de Vale de Amoreira, contemplando além da vertente agrícola, comercial e industrial, várias iniciativas dedicadas ao artesanato e gastronomia do concelho de Manteigas e um vasto programa de animação, com a realização de espectáculos de natureza cultural, artística e de competição, tanto no palco como por todo o recinto da feira.

Será entre os dias 15 e 18 de Junho no parque urbano de Vale de Amoreira - Manteigas.

Inscrições e esclarecimentos
email: facivale2017@gmail.com

regulamento e ficha de inscrição: www.valedeamoreira.com
Fonte: Facebook - Vale de Amoreira

terça-feira, 6 de junho de 2017

Autárquicas: PSD recandidata atual presidente José Manuel Biscaia em Manteigas

O presidente da Câmara Municipal de Manteigas, José Manuel Biscaia, recandidata-se pelo PSD nas eleições autárquicas do dia 01 de outubro para continuar a fazer do concelho "um ponto de atratividade e distinção".

O candidato, com 67 anos, licenciado em sociologia e administração de empresas, está a cumprir o quinto mandato autárquico, pois também presidiu aos destinos do município durante quatro mandatos consecutivos, entre 1993 e 2009.

"Estive quatro mandatos, depois perdi o quinto mandato e retomei o sexto. Eu acho que tenho a capacidade e a qualidade necessária para continuar a fazer de Manteigas um ponto de atratividade e distinção, um ponto de nova movimentação em termos da grande riqueza que nós temos que é a Natureza e o desporto que para aí está virado, atraindo e colocando o nosso 'marketing' nos mercados que são mais qualificados", disse hoje à agência Lusa.

José Manuel Biscaia refere que se recandidata para dar continuidade ao trabalho realizado no município, pois considera que com a sua liderança "Manteigas mudou completamente".

"Os meus primeiros 10 anos, 14 anos, de presidente da câmara, foram para obras que considerávamos indispensáveis e que cada vez menos são a nossa grande preocupação. Hoje em dia, com a água, com o saneamento, com os resíduos sólidos tratados, a nossa preocupação é outra: uma população com algum envelhecimento", apontou.

Referiu que os jovens "são cada vez menos", pois existe "uma taxa de natalidade à volta de três por mil, o que é extremamente pouco, e uma taxa de envelhecimento e de mortalidade extremamente grandes".

"A nossa preocupação são as pessoas", disse, admitindo que o cenário pode ser alterado com medidas de captação de jovens para o território e com a criação de novos postos de trabalho.

O concelho entrou no chamado "mapa da qualificação turística" e vai ter três novos hotéis - Pousada de São Lourenço requalificada, um hotel de fábrica e um futuro hotel de uma grande cadeia internacional - que levarão à criação de cerca de 200 camas e de 50 postos de trabalho diretos, adiantou.

Por outro lado, espera que "com o novo programa Empreende +" da autarquia sejam captadas "pessoas com menos de 40 anos e com licenciatura ou curso superior para se fixarem em Manteigas".

José Manuel Biscaia justifica a recandidatura por reconhecer que tem um percurso de liderança autárquica "que já está sedimentado" e "uma equipa de trabalho direta a todos os níveis invejável".

"Eu espero não perder, não perder só pela virtude pessoal, mas porque efetivamente aquilo que eu fiz e aquilo que eu estou a pensar ainda que seja feito, que efetivamente tenha do meu lado o merecimento necessário", finalizou.

No atual executivo de Manteigas, o PSD tem a maioria, com três elementos, e o PS possui dois.

Fonte: DN.pt

Parque Natural da Serra da Estrela: Já há despacho para programa arrancar

O despacho do Governo que determina o início do procedimento de elaboração do programa especial do Parque Natural da Serra da Estrela (PEPNSE), que tem prazo de conclusão de 15 meses, foi hoje publicado em Diário da República.
Promover a conservação e valorização do património natural geológico, nomeadamente os geossítios que representam vestígios de glaciações pleistocénicas, integrando a sua divulgação e visitação e salvaguardar o património paisagístico, incluindo as suas componentes patrimoniais históricas ou tradicionais da região num contexto de integração com os sistemas naturais, bem como o património edificado, através de uma construção integrada na paisagem, são outros dos objetivos.Segundo o documento, o PEPNSE visa "promover a conservação dos valores naturais, protegendo as áreas mais sensíveis e desenvolvendo ações tendentes à salvaguarda da grande diversidade de flora e da vegetação, em particular as comunidades características de montanha e as espécies endémicas ou de distribuição exclusiva em Portugal, bem como à salvaguarda da fauna, sobretudo as espécies endémicas, de distribuição exclusiva em Portugal e as associadas a habitats de montanha e aos sistemas rupícolas".
O programa também pretende contribuir para a promoção do desenvolvimento rural e para a valorização das atividades económicas de cariz rural, que garantam a evolução equilibrada das paisagens e da vida da comunidade, promover e ordenar as atividades recreativas e turísticas de modo sustentável e compatível com a gestão e a conservação do património natural e dos recursos naturais de forma a evitar a degradação dos valores naturais e paisagísticos da região e assegurar a conservação dos habitats naturais, da fauna e da flora selvagens que estão na base da designação do Sítio de Importância Comunitária Serra da Estrela.
O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) é a entidade competente para a elaboração do PEPNSE, que tem um âmbito territorial que coincide com o da respetiva área protegida (município de Manteigas e parte dos municípios de Celorico da Beira, Covilhã, Guarda, Gouveia e Seia).
O despacho da secretária de Estado do Ordenamento do Território e da Conservação da Natureza, Célia Ramos, refere que a elaboração do PEPNSE é acompanhada de modo continuado por uma comissão consultiva.
A comissão consultiva é constituída por representantes do ICNF, da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro, das Câmaras Municipais de Celorico da Beira, Covilhã, Guarda, Gouveia, Manteigas, Seia, da Direção Geral do Território, da Agência Portuguesa do Ambiente, da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Centro, da Direção Geral das Atividades Económicas, da Direção Geral de Energia e Geologia, da Direção Geral do Património Cultural, do Turismo de Portugal, da Infraestruturas de Portugal e da Autoridade Nacional de Proteção Civil.
O Parque Natural da Serra da Estrela foi criado pelo Decreto-Lei n.º 557/76, de 16 de julho, e o seu Plano de Ordenamento foi aprovado pela Resolução do Conselho de Ministros n.º 83/2009, de 09 de setembro. 

quinta-feira, 25 de maio de 2017

PS candidata Esmeraldo Carvalhinho em Manteigas

O ex-presidente socialista da Câmara Municipal de Manteigas, Esmeraldo Carvalhinho, volta a candidatar-se ao cargo, pelo PS, nas eleições autárquicas de 1 de outubro. 

O candidato, com 62 anos, atual vereador da oposição, volta a recandidatar-se à liderança da autarquia de Manteigas após ter deixado a presidência há quatro anos, quando perdeu as eleições com o atual autarca social-democrata José Manuel Biscaia.


Esmeraldo Carvalhinho, que foi presidente do município de Manteigas no mandato de 2009-2013, exerceu anteriormente as funções de vereador e de vice-presidente da Câmara Municipal da Guarda.


O socialista disse hoje à Lusa que volta a candidatar-se ao cargo de líder do executivo municipal de Manteigas a convite da Comissão Política local do PS, que aprovou o seu nome por unanimidade.


Explicou que o partido reconhece que liderou «um projeto de quatro anos» que divulgou Manteigas no exterior «como nunca tinha acontecido», ao nível dos desportos de montanha e da natureza e com a candidatura do Vale Glaciar do Zêzere às Sete Maravilhas Naturais de Portugal.


«O PS entendeu que era um projeto que tinha muito mais para dar e que tinha ficado cerceado pela inglória das eleições de 2013, em que perdemos. Nesse sentido, o PS resolveu convidar-me e eu, depois de ter refletido e depois de ter auscultado a vontade da população, que me parece neste momento que quer, de facto, mais uma vez a mudança em relação à força política que tinha estado 16 anos no poder e agora mais quatro, já são 20 anos, aceitei ser candidato», justificou.


Com a candidatura, Esmerando Carvalhinho tenciona regressar ao poder autárquico e «retomar o grande projeto de desenvolvimento» do concelho que, na sua opinião, assenta em duas premissas: a valorização e a promoção do território em todas as suas vertentes.


O candidato assume que a sua intenção é continuar o projeto que desenvolveu nos quatro anos em que foi líder do executivo municipal, reconhecendo que é «preciso recuperar o tempo perdido».


O município de Manteigas é atualmente presidido pelo social-democrata José Manuel Biscaia, que se recandidata este ano pelo PSD. No atual executivo, o PSD tem a maioria, com três elementos, e o PS possui dois.


Fonte: Ointerior 

IIº Grande Prémio de Ciclismo das Beiras e Serra da Estrela


IIº Grande Prémio de Ciclismo das Beiras e Serra da Estrela, que se corre de 2 a 4 de junho fazendo parte, pelo segundo ano consecutivo, do calendário da União Ciclista Internacional.


Organizada pela Associação de Municípios da Cova da Beira (AMCB), com o apoio da Federação Portuguesa de Ciclismo, está é uma corrida de classe 2.1. O grande prémio terá três etapas: Penamacor-Celorico da Beira (199 quilómetros), Fornos de Algodres- Trancoso (186 quilómetros) e Belmonte-Manteigas (161 quilómetros), que inclui a mítica subida à Torre. Participam as sete principais equipas portuguesas e formações de Espanha, Rússia, Bolívia, Alemanha, Kuwait, Malásia e Inglaterra.

Mais informações: Federação Portuguesa de Ciclismo

Fonte: Ointerior 
Facebook - IIº Grande Prémio de Ciclismo das Beiras e Serra da Estrela